ArbitragenComo obter CriptomoedaCuriosidadesInvestimentoSem categoria

Arbitragem

Nesse post você vai entender de uma vez por todas o que é arbitragem de criptomoedas ou moedas digitais. 

Além do mais, você vai entender exatamente como isso funciona e se é verdade ou não que dá para lucrar com isso. 

Então, pare tudo o que está fazendo e vem comigo descobrir a verdade por trás de todo esse tema. 

Vamos lá? 

Arbitragem – O que é e como funciona 

De forma simples, a arbitragem de criptomoedas se refere a um processo de mercado que pode ser entendido como oferta e demanda. 

Em outras palavras, você vai comprar as moedas digitais em um mercado, por um preço menor, e revender essas moedas em outro mercado, por um preço maior. 

Ou seja, é nesse esquema de compra e venda que o lucro acontece. 

Frequentemente, em relação as criptomoedas, quem faz arbitragem compra em uma corretora que está com preço mais baixo ou acessível e transfere para uma corretora, que está com um preço maior. 

O esquema de arbitragem é diferente de outros tipos de investimentos realizados com criptomoedas. 

Afinal, um negócio bastante conhecido se refere a compra das moedas digitais e espera pela valorização. 

Ou seja, você espera o valor subir para depois vender. 

Aqui, se trata de algo mais rápido e direto, de um mercado a outro.

Por isso, é preciso avaliar o preço de cada corretora, pensando sempre nas taxas, para saber qual das opções de mercado realmente vale a pena. 

Importante: as taxas se referem a questão de transação, saque e outras. Que variam de acordo com cada corretora. 

Dica: existem plataformas que disponibilizam variações de valores de moedas digitais de diversas moedas, o que facilita a comparação e escolha. 

Exemplo disso, é o site Cointradermonitor, na aba de arbitragem.

A transação costuma ser bastante rápido, mas é importante manter a atenção quanto a alterações, já que essas moedas sofrem diversas variações ao longo do dia. 

O desafio do real – Como superar 

Quando a temática é arbitragem, um dos desafios encontrados pelos iniciantes nesses investimentos ou mesmo por aqueles que já atuam algum tempo se refere as transações. 

Na prática, o desafio estaria em fazer o depósito, para realizar a compra, e posteriormente fazer o saque. 

Já que isso pode envolver contas bancárias, agentes, liberações e transição fiduciária, que é o dinheiro vivo, o Real Brasileiro. 

Pensando nisso, o ideal seria evitar ou buscar alternativas para isso, o que facilitaria as movimentações enquanto evita as transações de Real, que pode envolver taxas e outros desafios.

Então, qual seria a alternativa? Ficar apenas nas moedas digitais. 

Na prática, isso seria trocar moedas virtuais por outros, sempre mantendo no mundo digital e nessas corretoras de transação. 

Isso ainda vem sendo estudado por diversos especialistas. 

Mesmo que não tenha uma resposta direta, o ideal seria sempre trocar por bitcoins, que é uma criptomoeda mais fácil para troca, para solicitar saques apenas quanto for realmente necessário ou quando você tiver um volume de lucros que vale a pena. 

É possível lucrar com arbitragem? 

Sim, é possível. 

Porém, é preciso avaliar as oscilações de mercado para fazer as operações no melhor momento, evitando perder dinheiro ou fazer negócio sem entender exatamente o que está fazendo. 

A dica é começar com pesquisas, para entender quais as melhores moedas do mercado, novas possiblidades, alertas de plataformas quando o valor da moeda sobe, entre outras questões. 

Lucrar com arbitragem pode ser uma alternativa realmente eficaz, mas que envolve riscos, principalmente se você não acompanha o mercado. 

Primeiramente, comece a avaliar as corretoras, conheça os valores de moedas ao longo de um determinado tempo e, só depois, pense em investir. 

Assim, você consegue evitar perdas, faz transações mais rápidas e aproveita os melhores instantes de negociação. 

Conclusão 

Em conclusão, arbitragem se refere ao processo de comprar e vender criptomoedas através de transações realizadas em corretoras, sendo tudo online. 

Preferencialmente sem envolver o real ou trocas rápidas, você pode juntar um bom volume de lucros antes de sacar o seu dinheiro. 

Então, comece a conhecer o mercado de criptomoedas, melhores plataformas de comparação bem como corretoras e suas taxas e faça parte desse novo mundo. 

Até o próximo post!

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo